Mais aprendizado

Como eu aprendi a lidar com a dor de me apaixonar na hora errada

Eu acabo de dizer adeus para o garoto que abriu os meus olhos para uma parte do mundo — uma parte da vida — que eu não sabia que existia. Esta tinha sido a primeira vez que me apaixonei de verdade, e foi a mais profunda até agora. A frequência e a intensidade com que eu sentia qualquer coisa era algo que eu não acreditava ser possível. Mas, honestamente, eu não sabia que uma pessoa podia se sentir tão incrivelmente feliz e horrivelmente miserável ao mesmo tempo.

Encontrar a pessoa certa, uma pessoa com a qual você deseja passar a vida, é uma das maiores conquistas que se pode ter. No entanto, a verdade infeliz é que a pessoa certa nem sempre vem no momento certo — e isso faz toda a diferença.

Você não tem garantia de encontrar a pessoa certa na hora errada, mas pode acontecer — eu sou a prova viva.

Eu entendo que você pode estar pensando que se você conhecesse a pessoa certa, a pessoa que você amava com toda a sua alma, as coisas funcionariam.

A Disney retrata isso. O príncipe encontra a sua princesa e eles vivem felizes para sempre — e então correm os créditos.

Quão maravilhoso seria se na vida real fosse tão simples

Na realidade, os seres humanos são emocionalmente complicados e, porque somos assim, conseguimos tornar as situações extremamente difíceis. Mesmo se você encontrar a pessoa certa, se você não é a pessoa certa para ela, a relação falhará.

Os relacionamentos não só falham porque a pessoa com quem você está se revela sendo a pessoa errada. Eles também falham quando você ainda não é a pessoa que precisa ser para o outro. Se você ainda não esta preparado para um relacionamento amoroso, então vocês dois estão condenados ao fracasso.

Você provavelmente irá implodir emocionalmente e se desviar da pessoa que você ama. Isso vale para a pessoa que você ama também — se esta pessoa não está no ponto da vida onde ele ou ela pode ser um parceiro amoroso e dedicado para você, o relacionamento também não funcionará.

Há tantas maneiras pelas quais um relacionamento pode falhar

Eu sei que não estou sozinha nisto. Muitas pessoas terão desculpas sobre o por quê elas não estão em um lugar em suas vidas que sejam propícios a um relacionamento saudável. Muitas argumentam que precisam se concentrar em suas carreiras. Algumas argumentam que ainda querem explorar a vida sozinhas antes de se comprometerem.

[RELACIONADO] Por que você vai se casar com a pessoa errada e como evitar o pior

Outras até se convencerão de que o amor que sentem por tanto tempo não era amor verdadeiro. Elas ocultarão as suas emoções e memórias para acreditarem que era mais uma ilusão do que qualquer outra coisa — um sonho do qual elas precisavam acordar. No entanto, todas essas são desculpas que as afastam da verdade. A verdade é que se você pode admitir isso a você mesmo ou não, você não é capaz de amar — não da maneira como a outra pessoa precisa ser amada.

Só devemos nos permitir um tipo de amor. O tipo de amor que é ardentemente apaixonado e, ao mesmo tempo, calmo, atencioso e solidário. Só devemos nos contentar com um amor que incorpora a definição em sua forma mais pura: amar de forma profunda — ou melhor, tão profunda quanto humanamente possível. Não estou falando sobre o amor dos contos da Disney. Estou falando sobre o amor ideal que as pessoas podem criar.

O amor é difícil porque exige que você desista de si mesmo

Para um relacionamento funcionar, você precisa se doar. Você precisa dedicar uma parte de si mesmo. Você precisa desistir de certas coisas, fazendo concessões e compromissos para a outra pessoa. Você precisa dedicar a sua vida, pensamentos, sonhos e até o seu futuro.

O amor mais profundo e puro acontece quando ambos os indivíduos dão um pedaço de si mesmos ao outro, mas não inteiramente e nem sem expectativa.

Photo by Coline Haslé on Unsplash

Não podemos nos doar porque esperamos que o nosso amor seja retribuído, mas porque amamos e queremos que nossos parceiros tenham o amor que merecem.

Então, o que você faz quando ama uma pessoa sabendo que você não pode ser a pessoa que ele ou ela precisa que você seja? O que você faz quando você encontra a pessoa certa, mas não pode amá-la do jeito que ele ou ela merece ser amada?

Se não estamos dispostos a fazer as compensações, então, há realmente apenas uma coisa que você pode fazer:

Você precisa deixar essa pessoa partir

Deixar partir uma pessoa que você ama pode ser a decisão mais difícil que você terá que fazer em sua vida. A pior parte é que quanto mais você estiver separado, mais você percebe o quanto é difícil — mais você percebe o quanto a ama.

[RELACIONADO] Dizer “sim” a um compromisso sério nunca foi tão difícil

Eu senti isso profundamente. Eu não vi, nem falei com aquele garoto a meses, mas ainda sei que uma parte de mim sempre guardará lembranças dele. Tudo isso se parece como uma eterna prisão.

Se em algum momento da sua vida, você compartilhar desse sentimento, eu desejo que você tenha a força para continuar e para não desistir de si mesmo. Você pode ter que abandonar um relacionamento, mas pode encontrar o amor novamente.

Acredite nisso porque é possível. É possível encontrar outra pessoa certa e encontrá-la no momento certo. Isso acontece com muitos e acontecerá com muitos mais.

Eu prefiro acreditar que isso acontecerá para mim também, assim como você pode acreditar que isso acontecerá para você. Não há nenhuma maneira pior de viver a vida do que viver desistindo da perspectiva de amar outra vez.

Você já se apaixonou na hora errada? Como lidou com isso? Compartilhe as suas experiências nos comentários abaixo!

4 comentários

  1. Sou casado e me apaixonei na hora errada, “Por outra mulher” que na teoria “tbm se apaixonou por mim” me dediquei inteiramente a esta mulher, mas no final das contas eu vi que não ia dar certo, até cogitei me separar da minha atual esposa, e pretendo me separar mesmo.

    Até porque não consegui esquecer esta outra pessoa, ainda a amo profundamente, mesmo sabendo que isto é um erro, por este motivo o melhor que posso fazer é ficar sozinho e seguir minha vida tentando esquecer esta pessoa. E parar de fazer a minha atual sofrer, pois ela não merece isto.

    Desculpe o desabafo, mas este post caiu como uma luva na minha cabeça.

    1. Rodrigo, eu sinto muito pela sua dor. Você sabe que não é o único que teve que passar por isso e que tanta outras pessoas nesse mundo estão lidando com a mesma dor nesse momento. Eu espero que você aprenda a lidar também de uma forma que não prejudique outros aspectos importantes na sua vida. Obrigada por confiar e revelar os seus sentimentos por aqui, e lembre que o amor sempre pode ser reconstruído.

  2. Recentemente fui pego de surpresa por uma garota muito mais nova, cheio de perspectiva e o coração a mil, porém estávamos num momento muito diferente e por muitas razões resolvi optei em me afastar, fiquei tão apaixonado que causou ansiedade e sua rotina e excesso de liberdade me deixou mais que confuso, o emocional se encaixou como uma luva mas o racional não permitia de forma alguma criar quaisquer perspectiva para um relacionamento mais sólido, enquanto ela tentava ganhar a minha confiança acintosamente, eu fugia pela falta de algumas atitudes. Quando numa das noites sem sono causado pela sua boêmia, acordei bemol decidido a deixá-la partir e me afastar por conta da ansiedade gerada por todo esse contexto. No final foi um bate cabeça e vidros estilhaçados, semanas depois ela se mudou para outro estado, eu decidi seguir meu caminho e focar no meu tempo perdido, ficar bem comigo mesmo antes de aceitar qualquer pessoa na minha vida, acredito que isso seja fundamental para qualquer relação. Num piscar de olhos tudo se apagou e uma nuvem negra percorre no meu céu todos os dias, sei que uma hora essa tempestade passa, mas o preço para lutar com o amor puro e sincero devido a razão e emoção é uma batalha árdua e intermitente, o desgaste emocional nas alturas comtemplaram talvez um ato covarde ou não, só o tempo irá dizer.

    1. Oi Neto, muito obrigada por compartilhar a sua experiência. Isso significa muito para mim. Significa que, como humanos racionais, temos sim a capacidade de refletir e evoluir a nível emocional. A sua decisão seguramente o fez questionar muito, mas no final a mesma decisão apenas demonstra a sua força e coragem. Que você consiga superar a dor e se apaixonar outra vez. Dessa vez, no momento certo! 🙏

Deixe um comentário